Política

Com baixa adesão, prévia do PSDB atrai 8% dos tucanos de Fernandópolis



Com baixa adesão, prévia do PSDB atrai 8% dos tucanos de Fernandópolis

Com o acirramento da disputa entre os governadores João Doria, de São Paulo, e Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, os bastidores da prévia do PSDB, que vai definir neste domingo o candidato a Presidente da República, estão em ebulição. Apesar disso, a prévia não empolgou os filiados na região de Fernandópolis. Apenas 26% se cadastraram para votar pelo aplicativo. Em Fernandópolis, esse índice foi menor ainda, apenas 8%. 
Prefeitos e vice-prefeitos da região, filiados ao PSDB, estão chegando em Brasília para a votação presencial que ocorrerá em urnas instaladas no Centro de Convenções Ulisses Guimarães. O vice-prefeito de Fernandópolis, Artur Watson Silveira, confirmou que estará em Brasília para votar na prévia.
O vereador João Pedro Siqueira, vereador eleito pelo PSDB está entre os 34 filiados do partido em Fernandópolis que se cadastraram para a prévia e votarão através de um aplicativo. O número de tucanos cadastrados para a prévia representa apenas 8% do total de filiados ao partido.
Na região, de um total de 1.499 filiados, 394 fizeram o cadastro. Isso representa 26% dos filiados. Mira Estrela teve melhor índice de filiados cadastrados: dos 128 filiados, 103 vão votar (80%).
A presidente do partido, ex-vereadora Maiza Rio disse que o número de filiados cadastrados ficou aquém da expectativa. “A gente esperava mais, mas a adesão geral, em nível nacional, não foi alta”, comentou. 
Já o vice-prefeito Artur Silveira, a caminho de Brasília,  disse ao CIDADÃO que a expectativa é de que no mínimo 90% dos vice-prefeitos e prefeitos estejam presentes. Ele anunciou que após a prévia, independente do resultado, vai trabalhar para a reestruturação do diretório local do PSDB que está sob intervenção (leia na coluna Bastidores – Página 2-A).
A prévia do PSDB escolherá o candidato a Presidente da República. São três os candidatos: João Doria, governador de São Paulo; Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul; e Arthur Vergílio, ex-prefeito de Manaus. A polarização da disputa, contudo, está entre Doria e Leite, que andaram trocando farpas nas redes sociais.
O presidente estadual do PSDB, Marcos Vinholi, aposta na vitória de João Doria e credita ao fato de São Paulo ter 62% dos filiados aptos a votar na prévia, de um total de 44 mil filiados.