Geral

Crianças e adolescentes são responsáveis por mais de um milhão de contas abertas



Crianças e adolescentes são responsáveis por mais de um milhão de contas abertas
A Caixa Econômica Federal realizou pesquisa para identificar o perfil de seus clientes poupadores. O resultado foi surpreendente: 34% das pessoas que investem suas economias na caderneta de poupança têm entre 25 e 40 anos e se concentram na Região Sudeste.

A pesquisa também mostra que 1.518.058 clientes estão na faixa de um a 15 anos. Nos últimos quatro anos, a quantidade de poupadores com até 15 anos cresceu 26%, superando a marca de um milhão de contas, com saldo aproximado de R$ 1,8 bilhão. Somente nos dois primeiros meses deste ano, a CAIXA já abriu 700 mil novas contas de poupança.

Segundo o superintendente nacional de renda básica, Milton Krüger, “os números positivos são conseqüência da excelente rentabilidade que a caderneta de poupança oferece, associada a outros atributos, como segurança, liquidez imediata e praticidade”.

Nos primeiros dois meses de 2008, a captação líquida da caderneta de poupança foi de R$ 1,855 bilhão. O crescimento foi de 65% em relação ao mesmo período de 2007 (R$ 1,123 bilhão). O saldo da CAIXA em Poupança atingiu em fevereiro/2008 o montante de R$ 78,034 bilhões, gerando um incremento de 26,4% em relação ao saldo de fevereiro de 2007, R$ 61,729 bilhões. A CAIXA detém 32,47% de participação de mercado, confirmando sua liderança.

As baixas taxas de juros tornaram a poupança mais competitiva em relação aos demais investimentos de renda fixa disponíveis no mercado. “As alterações promovidas pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) na forma de cálculo da Taxa Referencial (TR) asseguram ao poupador um rendimento de no mínimo 6,17% a.a., o que mantém a competitividade do produto e atrai o investidor que pretende ter um retorno garantido”, completou Kruger.