Educação

SP bloqueia acesso a apps em escolas estaduais



SP bloqueia acesso a apps em escolas estaduais

Desde ontem, dia 5, o acesso a diversos aplicativos e plataformas de streaming ficará bloqueado em escolas da rede estadual de ensino em ambientes administrativos e pedagógicos das unidades, conforme anúncio feito pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP).

"A Seduc-SP confirma que, a partir desta segunda-feira, 5, o acesso a aplicativos e plataformas sem fins educativos será suspenso nas redes (cabeamento e Wi-Fi) das unidades escolares", acrescentou em nota ao jornal O Estado de São Paulo.

Segundo a pasta, o objetivo é otimizar o uso de infraestrutura tecnológica para o desenvolvimento pedagógico dos estudantes.

“A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo mantém restrito, desde 13 de fevereiro de 2023, o acesso a aplicativos e plataformas sem fins educativos em salas de aula por meio da rede de internet cabeada e Wi-Fi nas escolas. Nesta segunda-feira, dia 5 de fevereiro, a medida passou a contemplar também os ambientes administrativos, que não poderão mais acessar esses conteúdos via cabo de rede. O uso já era restrito por Wi-Fi.”

Os aplicativos e plataformas bloqueados são: TikTok, Kwai,  Facebook, Instagram, GloboPlay,  Roblox,  Netflix, Amazon,  Prime Vídeo, X (antigo Twitter), Twitch, HBO, Max, Disney+  e Steam. (Com informações do Estadão Conteúdo).