BASTIDORES

BASTIDORES



A SABESP...

chegou em Fernandópolis em 5 de agosto de 1975 para resolver o grave problema de abastecimento de água da cidade. Nessa relação de quase meio século, não foi resolvido apenas o problema da água que não chegava às torneiras. A cidade também saiu do zero para 100% no quesito coleta e tratamento de esgoto.

LÁ...

se vão 48 anos dessa relação que também teve suas crises, especialmente na questão da tarifa cobrada, mais cara do que a paga pelos consumidores de cidades onde o serviço é prestado por autarquias municipais, casos de Rio Preto e Votuporanga. Incluso no pacote, a tarifa de esgoto sempre questionada já que o tratamento só chegou na década de 90.

MAS...

o fato de não ter o fantasma das torneiras secas assombrando a população, pesou na decisão pela renovação do contrato de 30 anos com a Sabesp vencido em 2005. Após longa negociação, o novo contrato foi assinado em 2007 pela então prefeita Ana Bim, com a Sabesp depositando na conta da prefeitura R$ 9,5 milhões.

COM...

12 anos de contrato com a Sabesp pela frente, Fernandópolis vai acompanhar com atenção a decisão do governador Tarcísio de Freitas de desestatização da Sabesp. O projeto chegou terça-feira, 17, na Assembleia Legislativa. Atualmente, 50,3% da companhia pertence ao estado de São Paulo; outros 49,7% correspondem a acionistas.

COM...

o dinheiro da venda de mais 25% das ações, o governo pretende investir na universalização do saneamento básico nos 375 municípios atendidos pela Sabesp, incluindo áreas rurais e os núcleos urbanos informais consolidados, como no caso de Fernandópolis, onde as inúmeras chácaras de lazer proliferaram pelas cercanias da cidade.

TARCÍSIO...

acena com a redução tarifária para garantir apoio ao projeto e diz que isso será bancado pela criação do Fundo de Apoio à Universalização do Saneamento no Estado de São Paulo, com pelo menos 30% dos recursos obtidos com a venda de ações da Sabesp e parte do lucro com dividendos da empresa destinada ao Tesouro Estadual. Sem a desestatização, o governo diz que não consegue cumprir a meta de universalização sem aumentar tarifas.

O PREFEITO...

André Pessuto disse, via assessoria de comunicação, que em encontro com Tarcísio de Freitas em agosto, o governador abordou diversos assuntos, entre eles, a Sabesp. Para Pessuto, essa é uma decisão exclusiva do governador. Mas, é óbvio que o governador espera ter o apoio dos prefeitos para que o projeto tramite com celeridade pela Alesp.

A RENOVAÇÃO...

de concessão de Fernandópolis com a Sabesp será em 2035. O cenário que se desenha agora, por obviedade, influirá na negociação lá na frente. Se concluir o processo de desestatização, o governo estadual já não será mais o controlador da empresa. Só ganhamos até agora. Quanto ao futuro, resta o desafio de uma mudança administrativa que ninguém pode garantir nada.

Equipe A.C.G

  • BASTIDORES

    BASTIDORES

    VITÓRIA... do governador Tarcísio de Freitas na primeira batalha pela privatização da...
  • BASTIDORES

    BASTIDORES

    DUAS... ações esta semana chamaram a atenção da sociedade fernandopolense: a...
  • BASTIDORES

    BASTIDORES

    JÁ... olhando para o seu futuro de ex-prefeito, André Pessuto mantém como obsessão...
  • BASTIDORES

    BASTIDORES

    COM... os partidos acelerando o processo de busca de candidatos dispostos a enfrentar o veredicto das urnas,...