BASTIDORES

BASTIDORES: Eleições 2022



AS PRIMEIRAS...
peças do xadrez político já foram movimentadas com vistas às eleições de 2022, quando estamos prestes a iniciar a contagem regressiva. No plano estadual, o PSDB já homologou o nome do vice-governador Rodrigo Garcia (ex-DEM) como pré-candidato a governador. Ele foi o único nome inscrito para as prévias de novembro.
AO FICAR...
de fora das prévias, o ex-governador Geraldo Alckmin mostra que falta apenas decidir a hora de deixar o ninho tucano. Com 26% de intenções de voto na última pesquisa Datafolha, Alckmin, à moda mineira, costura alianças. Com o cacife eleitoral que ostenta não faltam pretendentes. O PSD de Gilberto Kassab e o partidão (DEM/PSL) estão de portas abertas.
O DEM...
será a próxima pedra do xadrez político a ser mexida no tabuleiro. O partido, aliado de primeira hora do PSDB paulista, deu esta semana o primeiro passo para a fusão com o PSL. A união é tida como vantajosa para os dois partidos. Para o DEM, por causa do aumento do fundo partidário e eleitoral. Para o PSL, interessa a capilaridade regional e estrutura que o DEM possui. 
OS PARTIDOS...
anunciam que pretendem formalizar a união até o mês que vem. Se concretizada, o novo partido terá a maior bancada da Câmara, com 81 deputados, além de sete senadores, três governadores, o maior tempo de rádio e televisão na campanha de 2022 e os maiores fundos eleitoral e partidário. Explica-se o interesse mútuo na fusão.
ESSA...
fusão terá reflexos na política local. O DEM é o partido do prefeito André Pessuto, do presidente da Câmara Gustavo Pinato, do vereador Jeferson da FEF e do ex-vereador Gilberto Vian (atual presidente do DEM local). É um partido “copeiro” na cidade. Venceu três das últimas quatro eleições para prefeito.
O PSL...
está se reestruturando em Fernandópolis e região. Na última eleição municipal por questões legais no diretório não pôde disputar o pleito, o que obrigou o Cabo Santos a buscar o Solidariedade para ser candidato a vereador. Com a fusão com o DEM encaminhada, a reestruturação do PSL passa pelo grupo do prefeito. 
RODRIGO
Ortunho, atual chefe de Gabinete de Pessuto, já assumiu a presidência da Comissão Provisória local. Com a experiência na coordenação de campanhas eleitorais vitoriosas em 2012, 2016, 2018 e 2020, vai tocar a missão. É um nome da confiança do prefeito e do deputado federal Fausto Pinato. 
O TIME...
escalado para o PSL tem ainda os secretários de Trânsito Ederson da Silva (vice), da Justiça e Cidadania Marlon Santana (secretário) e Afonso Pessuto  (tesoureiro). Nos bastidores há indícios que o PSL pode ser a porta aberta para  Ortunho assumir comando do novo “partidão”. Em conversa com CIDADÃO, preferiu a discrição. Sabe que, em política, a prudência manda não colocar a carroça adiante dos bois. 
 

Equipe A.C.G