BASTIDORES

BASTIDORES - Os 3 deputados da região afinados com João Doria



TRÊS...
deputados da região de Rio Preto estão afinadíssimos com o governador João Dória: o federal Geninho Zuliani (DEM), de Olímpia; e os estaduais Itamar Borges (MDB), de Santa Fé do Sul, e Carlão Pignatari (PSDB), de Votuporanga.
O DEPUTADO...
Carlão Pignatari, eleito líder do governo na Assembléia Legislativa, tem abocanhado boas verbas para várias cidades. Em janeiro, o deputado votuporanguense comemorou a chegada de R$ 9,5 milhões para 42 municípios do Noroeste Paulista, destinados aos setores de saúde, infraestrutura, transporte, educação, social, turismo, esporte e agricultura.
ITAMAR...
e Geninho exercem papel fundamental no acolhimento e encaminhamento de reivindicações dos municípios ao governo estadual, e, por delegação de Dória, visitam as bases buscando definir candidatos a prefeitos do PSDB, bem como costurando alianças com outras siglas para o pleito municipal.
À FRENTE...
da campanha eleitoral que dá seus primeiros passos, está o vice-governador Rodrigo Garcia, presidente do diretório estadual do DEM, principal aliado de João Dória no projeto para disputa da presidência da República em 2022. Garcia é virtual candidato ao Governo de São Paulo, na sucessão de Dória.
PARA...
se ter uma ideia do alinhamento dos deputados com o Palácio dos Bandeirantes, na segunda,3, segundo nota do Diário da Região, “durante a reabertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa, o governador João Dória fez agrado ao deputado federal Geninho Zuliani (DEM). Afirmou que, como relator do Marco Regulatório de Saneamento Básico, Geninho foi um” herói”, e que seu trabalho ficará para gerações futuras”.
FERNANDÓPOLIS...
e seus problemas.  As principais instituições de ensino superior continuam sendo manchetes. Ruins, por sinal. Nem saímos ainda da negativa repercussão do escândalo “Vagatomia”, envolvendo a Universidade Brasil, com denúncia do esquema de vendas de vagas no curso de medicina, e já nos deparamos com a manchete regional” Justiça condena 15 por desvio na FEF”.
A MANCHETE...
é do Diário da Região, 1 de fevereiro. Segundo o jornal, “grupo se apossou de recursos que deveriam saldar dívida tributária da fundação”. “Um dos envolvidos, segundo a nota, é o ex-prefeito Luiz Vilar que teria ajudado a desviar dinheiro da fundação educacional da qual também foi dirigente”.
VILAR...
esteve na cidade para rever alguns amigos. Ao que consta, está residindo na capital do Paraná, Curitiba. Ele construiu uma carreira de destaque na antiga Cesp, e, eleito prefeito de Fernandópolis implantou uma administração moderna, gerando bons frutos no primeiro mandato. Poucos “migrantes” receberam tanto apoio da sociedade como Luiz Vilar, que soube tirar proveito de todas as oportunidades que surgiram em Fernandópolis. Infelizmente, seu currículo foi manchado.

Alencar Cesar Scandiuzi