Direto da Redação

Direto da Redação: Virou saga, caminhões se enroscando na fiação pela cidade



Direto da Redação: Virou saga, caminhões se enroscando na fiação pela cidade

Na semana em que a Elektro e operadoras de telefonia e internet na cidade iniciaram o cumprimento do acordo com a Câmara e Ministério Público para pôr ordem na fiação, dois incidentes mostram o tamanho do problema na cidade que virou rotina. Virou uma verdadeira saga, os caminhões se enroscando pela fiação bagunçada.

Entre quinta e sexta-feira, dias 9 e 10, foram dois incidentes. A primeira ocorrência, no Jardim Paulistano, onde um caminhão carregado com uma máquina provocou o rompimento de vários cabos e fios na Rua Orlando Santesso. Moradores da região ficaram sem conexão com a internet mas não houve problemas no fornecimento de energia elétrica.

A segunda ocorrência foi na manhã desta sexta-feira, na rotatória da Avenida Augusto Cavalin ao lado do recinto da Expo. Um caminhão não identificado se enroscou nos cabos de telefonia e acabou derrubando dois postes. Nos dois casos, a Secretaria de Trânsito esteve no local para retirar os cabos e evitar acidentes envolvendo motociclistas.

De acordo com a resolução do Contran - Conselho Nacional de Trânsito -, a altura máxima permitida para circulação de veículos de carga em vias urbanas é de 4,40 m. O problema é que os cabos de internet e telefonia não cumprem a altura mínima. Logo, essa rotina de caminhão enroscando na fiação da cidade vai perdurar por tempo indeterminado.

Bate pronto

  ONDE NASCEU – Na sessão de terça-feira, durante a votação do projeto de concessão do título de cidadania para a vereadora e, então secretaria de Assistência Social, Janaina Alves, o vereador Julinho Barbeiro disse que descobriu por acaso que ela não era fernandopolense. Janaina nasceu em Piraju e, portanto, está apta a ser reconhecida com o título de Cidadã Fernandopolense. Na mesma sessão, os vereadores aprovaram título para a ex-vereadora e atual presidente do Iprem Creusa Nossa. Homenageadas pelos serviços prestados à comunidade.

  AJUDA - A propósito, a coluna dá uma mãozinha aos vereadores sobre a naturalidade dos componentes do legislativo. São naturais de Fernandópolis os vereadores Julinho Barbeiro, João Garcia Filho, Gustavo Pinato, João Paulo Cantarella, Jeferson Leandro de Paiva e Daniel Arroio. Nasceram em outras cidades e podem ser agraciados com títulos de cidadania, os vereadores Cabo Santos (Riolândia), Cidinho do Paraiso (Martinópolis), Everaldo Lisboa (Livramento de Nossa Senhora – BA), João Pedro Siqueira (Jales), Pastorzão Claudenilson (São Paulo), Murilo Jacob (Rio Preto) e Ademir de Almeida (Olímpia). Informações extraídas do site do TSE.

  REFORMA DO BEIRA RIO – No momento que avançam as obras de revitalização do entorno da represa, a prefeitura publica licitação para a reforma do Ginásio de Esportes Querton Ribamar Prado de Souza, o Beira Rio. O investimento é de R$ 425,7 mil e prevê adequação da quadra, com troca de piso, ampliação e reforma geral da iluminação. A abertura das propostas está agendada para 13 de dezembro. Ainda não foi publicada a licitação para construção de pista de skate profissional na área da famigerada super academia a céu aberto. Obras que devem mudar o cenário naquela região.

 

 

FOTO DA SEMANA

FOTO DA SEMANA

O acordo firmado pela Elektro na reunião com a Câmara e Ministério Público, começou a ser cumprido na segunda-feira, 6, como prometido. Na foto, os funcionários das empresas organizam a fiação na Avenida dos Arnaldo. Com supervisão da concessionária de energia, as empresas de internet e telefonia cadastradas na Elektro, iniciaram o trabalho de identificação dos cabos ativos e retirada dos antigos ou clandestinos. O trabalho começou pela Avenida dos Arnaldo. Esse cronograma será sempre cumprido às segundas e terças-feiras até completar a cidade. Vai longe...

Positivo

Fernandópolis deu início às obras do futuro ‘Parque da Criança’ que está sendo construído, na rua José Bonifácio, no bairro Jardim Santa Adélia, zona leste da cidade. O valor da primeira etapa da obra é de R$ 628.566,70 com recursos do MIT – Município de Interesse Turístico. A atual etapa prevê a construção do calçamento no entorno do parque, instalação dos alambrados e a construção do prédio administrativo e sanitários. A segunda etapa será instalação dos brinquedos. O prolongamento da avenida marginal após a Brasilândia facilitará o acesso.

Negativo

O vereador Claudenilson Alves Araújo foi autor de um requerimento na Câmara que voltou a cobrar medidas sobre atendimento da população em situação de rua na cidade. Pastorzão disse que é preciso agilidade na construção de programas para tentar solucionar o problema que só cresce. “Daqui alguns dias o problema vai ser tão grande que vamos perder o controle. Essas pessoas têm família e uma grande quantidade delas têm um lar para morar, só que pelo vício do álcool e de drogas acabam ficando nas ruas. Peço a união dos poderes para resolver esta situação”.

Claudemir Cabreira

Jornalista.