Boa de Garfo

UVA PASSA: dezembro chegou e junto com ele essa polêmica frutinha



UVA PASSA: dezembro chegou e junto com ele essa polêmica frutinha

Chegou dezembro e com ele, o mês da polêmica uva passa. Confesso que sou da turma COM uva passa, viu! Quando criança, conheci essa frutinha na casa de uma prima e, foi amor à primeira vista. Toda vez que íamos visitá-la ela já me esperava com um potinho cheio de frutinhas. Mas, na minha família nem todos são adeptos e a polêmica também acontece. 

A uva passa é um tipo de uva especial, de tamanho menor, que sofreu um processo de desidratação. Elas possuem um formato menor, cor escurecida, textura enrugada e um sabor bem docinho. Geralmente na ceia de Natal ela é utilizada nos panetones, bolos natalinos, arroz, no salpicão, na farofa e até em receitas de risotos e massas!

Mas olha na minha casa, por muito tempo fazíamos tudo separado. Por exemplo um arroz com e outro sem passas. Uma salada com e a outra sem. E por aí vai. A trabalheira era sem fim e sempre sobrava pra mim que adoro cozinhar. Então, hoje, só fazemos com!!! Porque a maioria sempre vence e, além de delicioso, fica lindo! E, quem não gosta? Na hora de comer coloca de ladinho no prato e pronto! Todo mundo fica feliz!

Pelo fato de ser desidratada ela não passa o gosto para o alimento quando colocada inteira e após o cozimento. Portanto é possível sentir seu paladar apenas após a mastigação, quando ela harmoniza com os outros ingredientes. E aí, a mágica e a explosão de sabores acontecem. Porém, se sua família é do time com uva passa, recomendo o cozimento dela com os alimentos ou até mesmo, hidratar no azeite ou na bebida alcoólica. Assim ela ganha corpo e mais sabor.

Mas, é necessário ter bom senso. Partindo do princípio que os convidados irão colocar um pouquinho de cada receita no prato, a sintonia precisa ser completa. Por isso, é imprescindível ter equilíbrio e não sair colocando passas em tudo. Se você já usou as passas na farofa, coloque nozes ou castanha de caju no arroz, por exemplo. É possível substituir a fruta por outras opções como o damasco, ou, até mesmo, frutas frescas como a maçã verde e o abacaxi, que trazem frescor, acidez e um toque agridoce mega especial.

Portanto, a fama de má da uva passa nem sempre está relacionada ao seu sabor, mas sim ao excesso do uso dela nas receitas das festas de final de ano. Ou seja, o segredo é o equilíbrio e a moderação. 
Como já entramos em dezembro e o clima natalino começa bater à porta escolhi uma receita que minha mãe costuma fazer sempre, nem só no Natal, porém ela tem esse gostinho de ceia natalina justamente por conta da uva passa. É uma salada refrescante, fácil, rápida e fica elegante para servir a família e os amigos até mesmo nos churrascos de confraternização de final de ano. Além de tudo, é uma receita mega barata! Em tempos de alta nos preços de tudo nos supermercados, nada melhor que comer bem e economizar. Então, vamos lá!

Salada de repolho com uva passa

Salada  de  repolho  com  uva  passa

Ingredientes
1 repolho médio fatiado bem fininho
1 caixinha de creme de leite
1 limão pequeno
150g de uva passa (pode ser da escura e da clara misturadas)
Sal e pimenta do reino ao gosto
Azeite

Modo de fazer
1) Coloque o repolho picado e as passas em uma tigela.
2) Junte o creme de leite e os demais temperos e misture bem. 
3) Sirva bem gelado.

Boa de Garfo